VadeMecum

VadeMecum

publicado em 03/12/2018 às 19h38
XXVII Exame de Ordem: 3ª pior prova de todos os tempos!

O Blog é pioneiro em tabular as estatísticas do Exame de Ordem (antes mesmo da OAB se interessar por isso), e tem um longo registro não só das estatísticas como também da percepção dos candidatos quanto as muitas edições da prova da OAB.

Esse acompanhamento permite a construção da percepção sobre como tem evoluído o Exame e, claro, a distinção entre as diferentes edições.

Uma coisa é a percepção subjetiva, colhida da média da opinião de candidatos e professores. Essa opinião foi externada na publicação abaixo:

XXVII Exame de Ordem: a prova do APOCALIPSE!

Acabei de analisar os números desta edição e ela foi, sem dúvida nenhuma, muito difícil! A percepção não foi errada, portanto.

Ela foi tão difícil que conseguiu ser a TERCEIRA PIOR prova de TODOS OS TEMPOS!

Depois de uma prova da 1ª fase terrível, temos agora os percentuais parciais da reprovação no XXVII Exame de Ordem.

Promoção Agora ou Nunca: Os cursos do Jus21 com um valor especial!

Parciais, claro, em razão do prazo recursal, que abrirá amanhã. As estatísticas podem mudar caso a OAB resolva anular ao menos uma questão.

Seguem os dados EXCLUSIVOS do Blog:

Em 1º lugar como pior prova de todos os tempos nós temos o XXIII Exame de Ordem, cuja aprovação foi de 13,35% na primeira fase, sem anulações.

Em 2º lugar temos ainda o IX Exame Unificado, com 16,67% de aprovação na 1ª fase, contando com as 3 anuladas de ofício.

Em 3º lugar entra a atual edição, o XXVII Exame de Ordem, com 16,79% de aprovação (20.995 aprovados) dentre os 125 mil inscritos.

E em 4º lugar fica o XXI Exame, quando apenas 17,09% dos inscritos foram aprovados após as duas anulações de ofício naquela oportunidade. 

Treinando da forma CERTA para a 2ª fase da OAB

Lembrando que na na matemática da 2ª fase somos obrigados a incluir os candidatos da repescagem, que entram no meio do jogo para tentarem a sorte na prova subjetiva.

Para quem preferir, a reprovação na 1ª fase do XXVII Exame foi de 83,21%. Uma taxa, evidentemente, altíssima de reprovação.

Ou seja: a prova do XXVII não foi o apocalipse, como eu havia escrito, mas ela deu uma pisadinha pelo vale da sombra da morte.

E agora? O que dá para fazer?

Amanhã teremos a abertura do prazo recursal. Nesse momento vocês terão a chance de apresentar seus recursos e tentar arrancar ao menos uma mísera questão.

Confiram os recursos:

XXVII Exame: Questão com fundamento na lei eleitoral tem de ser anulada!

XXVII Exame de Ordem - Recurso para erro material da lei do Estado Alfa

XXVII Exame de Ordem - Recurso para a questão do acidente na Fale Mais S/A

Sei que existem outros recursos por aí, mas são nesses três em que deposito as minhas esperanças.

Amanhã, meio-dia, teremos a abertura do prazo recursal. Fiquem atentos porque vou tratar da questão recursal de forma completa aqui no Blog.



FIQUE POR DENTRO
RECOMENDAÇÕES DO BLOG

Cursos, Treinamentos & Produtos

11 ANOS DO
BLOG EXAME DE ORDEM