publicado em 18/12/2018 às 08h47
Teremos anulações no XXVII Exame de Ordem? Hoje é o dia de saber a verdade!

Chegou o dia da verdade no XXVII Exame de Ordem: hoje saberemos se o natal de vocês terá um presente ou não!

E o histórico é francamente negativo para os candidatos. Em 13 edições não tivemos nenhum recurso na 1ª fase admitido. Isso signifca, praticamente, 4 anos (não lineares, claro) sem anulações.

É demais! Passa a impressão de que só a OAB entende de Direito, enquanto milhares de alunos e professores servem apenas para reclamar sem sentido. E isso não é verdade!

Faço recursos publicamente para o Exame de Ordem desde 2007, mesmo antes mesmo de criar o Blog, e minha percepção quanto ao sucesso dos recursos acompanha a lógica da OAB neste tema. E cada vez mais tem se tornado desafiador conseguir anular qualquer questão em uma 1ª fase.

Ainda assim, permanece a mesma máxima para os candidatos: É preciso tentar sempre!

 

Na prova do XXIV apostamos forte na anulação da questão com erro material, tanto é que fomos os únicos a fazer um recurso para esta questão, e para a nossa sorte foi exatamente aquela questão que acabou por ser anulada.

Essa foi a última vez que tivemos uma anulação.

Não deixem de fazer o nosso 1º simulado para o XXVIII Exame de Ordem:

1º Simulado para o XXVII Exame de Ordem

No XXV Exame de Ordem, apesar dos esforços, nenhuma questão foi anulada, assim como na última edição, o XXVI. 

Recurso na OAB está longe de ser uma ciência exata, dada a imprevisibilidade da banca. 

Talvez as chances nesta edição sejam um pouco maiores em função do estrago feito na 1ª fase, até agora a 3ª pior prova de todos os tempos:

XXVII Exame de Ordem: 3ª pior prova de todos os tempos!

A esperança não é vã!

A divulgação de eventual anulação ou não deve ocorrer, provavelmente, no período da tarde, como ultimamente tem acontecido.

Se nada for anulado, os recorrentes deverão apostar suas fichas no XXVIII Exame de Ordem.

O Jus21 está com 40% de desconto em todos os seus cursos!

Estamos a três meses e três semanas da próxima prova objetiva da OAB.

Se houver ao menos uma anulação os beneficiados terão 30 dias de preparação para a 2ª fase.

É um tempo apertado, mas dá para estudar se houver dedicação plena de vocês.

Vamos acompanhar bem de perto todos os detalhes para informá-los em tempo real de qualquer novidade.

Tenham fé que hoje vai!